• Franciscanos do RS

A BÍBLIA

A Bíblia como a conhecemos hoje está encadernada em forma de livro. É um livro que pode ser comprado nas lojas em seus diversos formatos e traduções. Para os cristãos a Bíblia é um Livro Sagrado. Também chamado de Sagrada Escritura. No entanto a Bíblia é na verdade uma biblioteca formada por 72 livros. O próprio nome “bíblia” significa “livrinhos”. Estes livrinhos foram escritos entre os anos 1000 aC. - 100 dC, que corresponde a 1200 anos. Foram escritos por uma infinidade de autores e autoras em diferentes lugares do mundo antigo e em três línguas: Aramaico, Hebraico e Grego.

As diferentes traduções da Bíblia que temos hoje em português são o resultado de uma série de “traduções” desde a antiguidade, passando ao logo da história de mais de 3300 anos, de pesquisa multidisciplinar abrangendo as áreas de exegese, hermenêutica, arqueologia, linguagem, história geografia dentre tantas outras não menos importantes. Uma reorganização e na verdade uma ressignificação dos textos sagrados que marcaram a história da Bíblia foi empreendida pelos reis Ezequias e Josias nos anos 700 aC. A intenção principal de tal empreitada era de definir Javé como Deus Único e centralizar seu culto em Jerusalém.


Outra reforma que marcou muito a história da Bíblia foi a tradução dos originais aramaico e hebraico para o grego iniciada em 280 aC. O resultado desta ação foi se ter a Bíblia toda em grego, que ficou conhecida como “Bíblia dos Setenta – LXX” ou Septuaginta. Até aqui estamos falando apenas do Antigo Testamento, ou seja a Bíblia dos Hebreus.

Agora, os 27 livros que formam o Novo Testamento ou Nova Aliança como o conhecemos hoje foram escritos, reescritos e compilados ao logo de mais ou menos 100 anos – de 51/52 dC a 150 dC. A figura principal do NT é Jesus Cristo, o Messias esperado pelo povo Hebreu. Mas que gerou muita contradição: parte dos hebreus aceitaram Jesus como Messias e parte não aceitaram e continuam até os dias de hoje com o Antigo Testamento a espera de Messias. Para os cristãos o centro, ou o eixo do NT são os Evangelhos nas suas quatro variantes: Mateus, Marcos, Lucas e João. Cada um a seu modo narra a vida e missão de Jesus de Nazaré. Jesus mesmo não deixou nem um texto escrito. Foram outros que escreveram sobre ele e transcreveram seus discursos e ensinamentos. Completam o NT o livro dos Atos dos Apóstolos, Cartas ou Epistolas e o livro do Apocalipse.

Podemos considerar a Bíblia como Palavra de Deus quando ela nos ajuda a sermos melhores, a promover a vida, a sermos solidários com os que sofrem e a estabelecermos relações amorosas entre nós os humanos e com todas as criaturas criadas por Deus, que ao criar cada uma delas “Viu que eram boas” Gn 1,12. Ao promover e defender a vida do planeta terra estamos cumprindo a Missão que Jesus atribuiu a si mesmo: “Eu vim para que todos tem vida e a tenham em abundância” Jo 10,10.


Porto Alegre, 28 de agosto de 2019.

Frei João Osmar D’Ávila OFM

19 visualizações

CONTATO

LINKS

Secretaria Provincial

SAV - Serviço de Animação Vocacional

Comunicação

Facebook

© 2019 Todos os direitos reservados - Província Franciscana de São Francisco de Assis no Brasil

logo_easy_branco.png